segunda-feira, março 27, 2006


Assessoria de imprensa online: uma nova alternativa

Antes de se desejar entrar no fantástico mundo da web, uma pergunta deve ser formulada: e a tal dicotomia Presença x Promoção que tanto se fala em relação à Internet?

Ter um website é realmente algo indispensável nos dias de hoje, já começando inclusive a ser sinônimo de credibilidade e solidez no mercado. Entretanto, o que fazer com essa inevitável questão? Estar na rede é uma necessidade, porém, como divulgar produtos ou serviços, ou simplesmente o próprio site, somente a partir de folders, cartazes, malas-diretas, mídia etc? E o custo resultante dessas ações, muitas vezes estratosférico para alguns sites? Restringir-se somente às ferramentas de busca é, sem dúvida alguma, um suicídio. Mas o que fazer, então?

Talvez a melhor resposta resida numa outra realidade, a do dia-a-dia transpirado, e pirado, dos profissionais de comunicação, sempre em busca de novas oportunidades, nichos de mercado impensados etc etc etc. Resumindo: esse verdadeiro encontro às escuras pode reunir, de um lado, um website desconhecido à procura de page-views e, do outro, um profissional de imprensa, ou de marketing, sedento por alçar novos vôos. Além disso, o fato de todas as estratégias de comunicação e marketing para Internet nem sempre estarem ao alcance de todos faz com que a assessoria de imprensa online seja uma grande saída para os pequenos e médios da rede.

Por exemplo, se há um site interessante, de bom conteúdo e webdesign agradável, no ostracismo, o assessor online pode dar a ele muito mais do que os 15 minutos de fama apontados pelo mestre da Pop Art Andy Warhol. Um dos expoentes neste cenário é o Fortificações na História e Arquitetura dos 500 anos, lançado em agosto passado e que hoje, após um intenso esforço de assessoria de imprensa, conseguiu com que seu idealizador, o historiador português Carlos Cruz, concedesse entrevistas a rádios e tvs, obtendo também a indicação do projeto por inúmeras colunas em mídia on e offline.

O resultado prático desse trabalho? Oito mil acessos (deve-se destacar que o site partiu do zero absoluto), além do desmembramento do projeto em três CD-roms, cujos patrocinadores deverão sair de órgãos governamentais e da iniciativa privada, e ,ainda, participações em eventos alusivos aos 500 anos do descobrimento. Contudo, nem só de pequenos deverá viver a assessoria de imprensa online, visto que algumas empresas e webprojetos dotados de maior visibilidade parecem já estar atentos aos préstimos de um assessor online. Afinal, uma divulgação gratuita e informativa pode render não apenas fama, mas excelentes negócios.


autor: Paulo Carneiro Jr.
fonte: Intermanagers

posted by Iris • IFD @ 8:33 PM



 

Subscribe to RSS headline updates from:
Powered by FeedBurner